Brasil passa a proteger 25% dos oceanos

22 Mar 2018

(foto: Denis Ferreira Netto)

 

 

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, anunciou nesta semana, no 8º Fórum Mundial da Água, em Brasília, a criação oficial pelo governo brasileiro de dois mosaicos de unidades de conservação (UCs) marinhas – as áreas de proteção ambiental (APA) e monumentos naturais (Mona) dos arquipélagos de São Pedro e São Paulo (PE) e de Trindade de Martim Vaz (ES). O ministro lembrou que, com a criação das UCs marinhas, o Brasil amplia de 1,5% para 25% a sua área protegida na zona costeira-marinha, ultrapassando os 17% recomendados pelas Metas de Aichi, um conjunto de ações que devem ser assumidas pelos países para deter a perda de biodiversidade planetária.

 

Ilha do Mel 50% das espécies das áreas mais naturais do mundo podem sumir até 2080

 

Até a metade das espécies de plantas e animais nas áreas mais naturais do mundo, como a Amazônia e as Galápagos, podem enfrentar a extinção local até a virada do século devido às mudanças climáticas caso as emissões de carbono continuem a subir sem controle. Mesmo que o objetivo de 2° C do Acordo de Clima de Paris for atingido, esses locais poderiam perder 25% de suas espécies de acordo com um novo estudo histórico da Universidade de East Anglia, da Universidade James Cook e do WWF.

 

Ibama inicia seleção pública de projetos para Conversão de Multas Ambientais


O primeiro Chamamento Público para seleção de projetos do programa de Conversão de Multas do Ibama foi assinado no dia 12 de março, em cerimônia no Palácio do Planalto. Os projetos devem ser direcionados para recuperação da vegetação nativa na bacia do Rio São Francisco e ações de adaptação às mudanças climáticas por meio da convivência sustentável com a semiaridez na Bacia do Rio Parnaíba.

Prevista na Lei de Crimes Ambientais, a conversão permite ao autuado ter a multa substituída pela prestação de serviços de preservação, melhoria e recuperação do meio ambiente.

 

IAP regulamenta piscicultura

 

O presidente do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Luiz Tarcísio Mossato Pinto, assinou a portaria que regulamenta o licenciamento ambiental de piscicultura em áreas rurais consideradas consolidadas.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Curta esse post
Please reload

Posts Em Destaque

A sua empresa está preparada para enfrentar crises?

March 26, 2020

1/8
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo